Crendo na Palavra para ser curado

Queridos irmãos!

Uma amiga me escreveu pedindo que eu falasse sobre enfermidade à luz da Palavra. Bom, a primeira coisa que eu quero lhes perguntar é se vocês creem que a Palavra de Deus é a verdade sobre qualquer assunto. Reconhecendo-a como verdade absoluta, vejamos o que ela diz a esse respeito.

Falando do povo de Israel, o salmista diz: “Então, fez sair o seu povo, com prata e ouro, e entre as suas tribos não havia um só inválido.” (Salmos 105.37.)

Em outro salmo, diz: “Ele é quem perdoa todas as tuas iniquidades; quem sara todas as tuas enfermidades.” (Sl 103.3.)

Em Isaías, está escrito: “Certamente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si […] e pelas suas pisaduras fomos sarados.” (Isaías 53.4-5.) E mais: “Nenhum morador de Jerusalém dirá: Estou doente; porque ao povo que habita nela, perdoar-se-lhe-á a sua iniquidade.” (Isaías 33.24.)

O autor da carta aos Hebreus diz: “Mas tendes chegado ao Monte Sião e à cidade do Deus vivo, a Jerusalém celestial, […] e a Jesus, o Mediador da nova aliança.” (Hebreus 12.22,24.)

Em Romanos, o apóstolo Paulo diz: “Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus.” (Romanos 8.1.)

Em outro texto, está escrito: “Toda boa dádiva e todo dom perfeito são lá do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não pode existir variação ou sombra de mudança, pois, segundo o seu querer, Ele nos gerou pela Palavra da verdade, para que fôssemos como que primícias das suas criaturas.” (Tiago 1. 17-18.)

Bem, uma vez que eu fui criada pela Palavra da Verdade para ser como primícias das suas criaturas e, por suas preciosas promessas, me tornar coparticipante da natureza divina, livrando-me da corrupção das paixões que há no mundo, como posso me conformar com a ideia de que Ele me faz enfermar para sua glória? Esse raciocínio é desenvolvido por Satanás entre os cristãos, por não compreenderem a fé e como ela opera em nosso favor.
João diz em sua epístola: “Porque, todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé. […] Sabemos que somos de Deus e que o mundo inteiro jaz no maligno.” (1 João 5.4,19.) Nós estamos no mundo, mas não somos do mundo, não pertencemos a ele.

Esta é uma verdade eterna: a Palavra de Deus tem efeito prático. A única maneira de ver a glória de Deus em uma enfermidade é vencendo-a pela prática da Palavra. Como? Aceitando em primeiro lugar a Jesus como aquele que perdoou todos os seus pecados e sarou todas as suas enfermidades. Passando tempo a sós com Deus, orando em línguas estranhas (no Espírito Santo (Judas 1.20), para edificação da sua fé santíssima, confessando que Jesus levou sobre si as nossas enfermidades (Isaías 53. 4-5), louvando e adorando a Deus de coração com essa verdade, porque “com o coração se crê para justiça e com a boca se confessa a respeito da salvação” (Romanos 10.10), comportando-se segundo a Palavra de Deus.

Não há mais lugar para enfermidade em sua vida, Jesus é o seu Redentor e ela tem de ceder. Ele tem o nome que está acima de todo nome (Filipenses 2.9); e a Ele se dobra todo joelho nos céus, na terra e embaixo da terra (Filipenses 2.11) e “Todo aquele que nele crê, não será confundido” (Romanos 10.11).

Aleluia! Aleluia! Ele é Deus bom que enviou sua Palavra e nos sarou completamente do que nos era mortal. Meus irmãos, nunca se submetam a nada que seja contrário à Palavra de Deus, nós temos a vitória que vence o mundo: a nossa fé.

Com amor, em Cristo,

Amariles Sousa